Blog


O efeito da laserterapia localizada, ou seja, sobre um tecido lesionado e/ou em processo inflamatório, é bem conhecido: ocorre um alívio imediato da dor, redução do edema e aceleração da cicatrização.
Essas respostas bem sucedidas deram origem a uma técnica de tratamento que tem sido muito explorada há quase 30 anos: a irradiação com laser vermelho ou infravermelho dentro de vasos sanguíneos. O primeiro objetivo é melhorar a circulação sanguínea, linfática, e, também a resposta imunológica.
A terapia ILIB está indicada onde houver processos inflamatórios e dolorosos agudos e crônicos, doenças degenerativas, processos infecciosos, ou seja, todos os pacientes podem ser beneficiados.
Não há contra-indicações, desde que a dosimetria esteja adequada considerando a via de administração e a faixa etária.
O sucesso da terapia ILIB dependerá da dosimetria individualizada e revisada a cada sessão, ao longo do tratamento.

IMG 1309

Efeitos Fisiológicos:

• controle da pressão arterial,
• diminuição dos açúcares (glicose e triglicerides) e das gorduras (LDL) no sangue (glicose, triglicerides),
• aumento da oximetria sanguínea,
• aumento da circulação próxima a região da irradiação,
• controle das enzimas hepáticas (TGP e TGO),
• aumento da SOD,
• redução da pressão intraocular (bom para glaucoma),
• redução do conteúdo de proteína C reativa,
• aumento a atividade do complemento,
• aumento do nível plasmático de imunoglobulinas (IgA, IgM, IgG),
• diminuição da capacidade de agregação trombocitária
• ativação da fibrinólise que aumenta a circulação periférica, entre outros.

IMG 1288

Efeitos Clínicos:

•  melhora na qualidade do sono,
•  sensação de bem-estar e de auto-confiança,
•  melhora na disposição para realizar tarefas físicas,
•  facilitação para as atividades cognitivas,
•  alívio de dores,
•  alívio de inchaços,
•  coadjuvante no emagrecimento.

 lizarelli

Profa. Dra. Rosane de Fátima Zanirato Lizarelli
PhD e Pesquisadora em Biofotônica – IFSC/USP